ANSIEDADE
por Regilene Rodrigues Neves

Hoje acordei querendo tanto
Esse querer perdido dentro de mim
Sair desse lugar apertado de sentimentos
Que por vezes dói de carência
Esvaziar essa ausência de amor do peito...

Respirar minha sorte lá fora
Quem sabe encontra-la numa esquina
Ou na rota que da para o caminho da esperança...
Mas que eu possa chegar
Ficar sem esse medo de me perder
E sem causar nenhum sofrimento a minha alma...

Sentar e ouvir uma música romântica
De letra suave
Notas leves
Tocadas com amor!

Quem sabe meu coração
Perca essa sensação de abandono
Cativa no meu íntimo
E eu possa ouvir a poesia da canção
Ler por trás da melodia minha emoção
E chorar essa lágrima presa dentro de mim...

Em 10 de novembro de 2009

3 comentários: